Doce primeiro mês

Antes tarde do que nunca, aqui está a postagem especial sobre esse primeiro mês ao lado da Eleonora, pretendo fazer postagens assim a cada dia 29 (dia de nascimento da pequena), tomara que eu não me esqueça de mais nenhuma, afinal de contas, essa é uma maneira bem legal de acompanhar o desenvolvimento dessa pessoinha que é meu amor puro.
Que venham os próximos onze meses então =]


*minha mãe e minha amiga ( tia coruja) contemplando a pequena Eleonora em seus primeiros minutos de vida*

*Da esquerda para direita: 1-Eleonora e sua boquinha “mamá”, ela já não faz mais essa carinha quando está querendo mámá, e eu e o pai dela já sentimos muito a falta disso, simplesmente porque era a coisinha mais cute do mundo de se ver rsrs
2-Eleonora em seu primeiro banho em casa. Eu sempre temi esse momento, tanto é que eu demorei quase um mês para ter coragem em dar banho nela, enquanto isso, minha mãe e o Inácio se dividiam nessa função*


*Fotos de celular. 1- minha pequena com o rosto ainda inchado, em seu segundo dia de vida e já toda enfeitada.
2- Um livro muito, muito bom que li na maternidade.*

Ela ainda é um pinguinho de gente, mas já consigo ver muita diferença física e de hábito durante esses quase dois meses.
Tenho sorte, muita sorte em ter uma garotinha das mais calmas e sorridentes, que até hoje não teve nenhuma crise de cólica (me sentindo a ganhadora da loteria) e é bem econômica no choro.
Porém, confesso que ando tendo dias bem difíceis ultimamente, a Eleonora não anda dormindo durante as noites, e claro, isso me deixa exausta e com o humor bem afetado.
Tento respirar fundo e manter sempre a calma e a paciência durante esses momentos, mas quase sempre, quando amanhece e consigo tomar meu banho eu me desmancho em lágrimas, me sinto pesada e triste, creio que por simplesmente estar cansada e nada mais.
Esperamos ansiosamente pelo dia que enfim a Eleonora vai saber que pessoas normais dormem durante a noite e ficam acordada durante o dia =p
E sério, me cansei de ler dicas e receitas milagrosas de como fazer seu bebê dormir bem durante a noite, não consegui sucesso com nenhuma dessas dicas até hoje. =[

O que nos resta é aguardar… A pediatra dela disse que bebês costumam melhorar o horário de dormir a partir dos 3 meses, mas alguns ultrapassam um aninho de idade, vai saber em que grupo está a Eleonora…
Enfim, só sinto falta de dormir de maneira humanizada (rá, usando a palavra da moda) e quero muito que isso aconteça o quanto antes.

Desejo a todos uma linda semana, com várias noites de sono ininterrupto =D

Uma ideia sobre “Doce primeiro mês

Deixe uma resposta